Folha da Oliveira

SAM_4291

Muitas pesquisas científicas têm comprovado o poder curativo da folha de oliveira, destacando-se a proteção do sistema cardiovascular e imunológico, o aumento da energia, o controle da pressão arterial, a prevenção do diabetes e do mal de Alzheimer.

No antigo Egito, elas eram utilizadas na mumificação de faraós e suas propriedades medicinais já eram conhecidas.

Devido à sua atividade antibacteriana, antifúngica e antiviral, o extrato da folha de oliveira é utilizado para tratar uma grande variedade de problemas, como candidíase, meningite, encefalite, gripe, herpes, hepatite B, pneumonia, malária, dengue, tuberculose, gonorreia, diarreia, infecções nas vias urinárias, nos ouvidos, nos dentes e até para reforçar o tratamento de aids.
O extrato de folha de oliveira tem se revelado excelente para proteger o coração e os vasos sanguíneos.

Quando tomado durante um longo período de tempo e com regularidade, ele se mostrou capaz de reverter a aterosclerose.

Estudo da University of Michigan Health System mostrou que a substância oleuropeína, presente nessa folha, elimina o açúcar do sangue.

Ou seja, a infusão de oliveira é excelente para tratar e prevenir o diabetes.

As folhas da oliveira possuem quatro vezes mais potássio, magnésio, manganês, fósforo, selênio, zinco e cobre que o chá verde.

Esses minerais são altamente antioxidantes e atuam contra o envelhecimento, além de estimularem o metabolismo para eliminar gorduras com mais rapidez.

O indicado é que você beba de 3 a 4 xícaras por dia, em um período de 3 a 4 meses.

Dessa forma, é possível perder até 6 quilos, aliando o chá com uma alimentação balanceada e saudável e também com a prática de exercícios físicos.

Para fazer o chá, basta ferver 1 litro de água.

Quando entrar em ebulição, adicione 2 colheres (sopa) de folhas de oliveira.

Tampe e espere 20 minutos.

Decorrido esse tempo, coe e tome a primeira xícara.

O chá de oliveira pode ser ingerido por qualquer pessoa, exceto grávidas e lactantes.

Fonte: Cura pela natureza

Anúncios

Folhas de beterraba

afru4

 As folhas de beterraba são ricas em minerais como ferro, fósforo e potássio, vitaminas A, C e do complexo B e alto teor de ferro, as folhas de beterraba agem no combate à anemia, além de ter efeito diurético e laxante. Graças à presença do pigmento natural carotenóide, as folhas ajudam também a proteger contra o envelhecimento da visão. Elas tem pouca caloria, 100g das folhas contêm 32 calorias , as folhas podem ser usadas para preparar saladas, pãe, sopas ou refogados e tem gosto semelhante ao do espinafre mas devem ser consumidas moderadamente devido a uma grande quantidade de oxalatos em sua composição, o consumo excessivo pode favorecer a formação de pedras nos rins.

beneficios-da-folha-de-beterraba-2

Receita de bolinho de folha de beterraba:

  • 1 copo de folhas de beterraba lavadas e cortadas
  • 5 colheres de soa de farinha de trigo
  • 2 colheres de sopa de água
  • 2 ovos
  • 1 cebola picada
  • Sal a gosto

Modo de preparo: bata os ovos e em seguida misture todos os outros ingredientes (pode ser no liquidificador ou à mão), faça bolinhas pequenas e asse no forno.

Folhas da Cenoura

cha-de-folha-de-cenoura-620x413

Além de servir para o emagrecimento,  as folhas da cenoura contêm muitas propriedades benéficas ao organismo, entre elas: cálcio, excelente para evitar a osteoporose no futuro; betacaroteno; vitamina A; magnésio; vitamina K; clorofila; ferro entre outros.

Pesquisas recentes revelam que as quantidades de cada um destes nutrientes são mais de cem vezes maior, muito deles, nas folhas e caules ao invés da raiz e do próprio legume.

As folhas da cenoura possuem os componentes chamados de fitoquímicos. Estes reduzem drasticamente o risco de muitas doenças, incluindo o câncer. Auxilia também no atraso do processo de envelhecimento, no reequilíbrio hormonal e ainda possui substâncias antivirais e antibacterianas. Este processo de reequilibrar o sistema hormonal por si só já ajuda bastante no processo do emagrecimento. Muitas pessoas têm sua causa da obesidade ou excesso de peso relacionado a problemas de origem hormonal.

Os flavonóides, presentes na folha da cenoura, são os responsáveis pelo efeito antioxidante. Sua função é captar os radicais livres gerados pelos processos químico-físicos do corpo humano que causam o envelhecimento.

Como usar

As folhas da cenoura podem ser utilizadas como chá ou até mesmo processadas até o ponto de farinha. Esta farinha poderá incrementar a alimentação das mais variadas maneiras. Por exemplo, nas receitas de bolos e bolachas, misturadas no feijão, sucos e até mesmo nas vitaminas.

Fonte: Dicas para perder peso